Dúvidas? Ligue para:  11 3477-4631 de 2ª à 6ª das 09:00 às 18:00. (exceto feriados)

Osteopatia: Benefícios na Terceira Idade

Os benefícios da osteopatia para o público da terceira idade são muitos, especialmente em países onde a porcentagem de idosos é muito grande dentro da população em geral. Um exemplo disso é Portugal. Segundo um estudo chamado Inquérito às Condições de Vida, 39,1% da população portuguesa entre 65 e 74 anos indicavam que tinham dificuldades em realizar algumas ações em sua vida diária, com mais 19,8% apresentando dificuldades sérias. Ou seja: 58,9% da população idosa de Portugal tinha dificuldade de movimentação. Sendo assim, um dos benefícios da osteopatia é tratar dessa situação, garantindo uma locomoção e movimentação melhor para o público de terceira idade. Para saber mais sobre isso e outras vantagens dessa prática medicinal, siga a leitura do artigo a seguir!

O que é a osteopatia?

A osteopatia é um tipo de terapia manual não invasiva (ou seja, que não entra dentro do corpo do paciente), com objetivo de manipular articulações, além de oferecer massagem e outras técnicas para tratar todos os tipos de problemas músculo-esqueléticos. Quando o corpo tem um problema músculo-esquelético, como um músculo específico que está mais rijo do que o normal, essa situação se manifesta pela dor, uma vez que os músculos são partes do corpo com muitos nervos e, portanto, grande capacidade de comunicação com o sistema nervoso do organismo. Com isso, um osteopata treinado é capaz de entender os sintomas mencionados pelo paciente, identificar a causa do problema músculo-esquelético e agir de modo a tratar o problema da melhor forma possível, aplicando as técnicas citadas (massagem, mobilização, etc.).

Quais os benefícios da osteopatia para a terceira idade?

A osteopatia é um tratamento que pode ser aplicado em qualquer pessoa, de qualquer gênero ou idade, sem contraindicações. No entanto, é fato que as suas técnicas trazem benefícios distintos para o público da terceira idade. Isso acontece porque, depois de certa idade, nossos músculos começam a se comportar de outra forma, já acumularam muito dano e ficam mais frágeis, especialmente se não nos exercitamos regularmente. Confira a seguir alguns dos principais benefícios da osteopatia para a terceira idade!

Alívio de dor nas costas

Uma das dores mais comuns para os idosos (e também os jovens adultos) é a dor nas costas, que acontece na maior parte das vezes entre as omoplatas. São muitas as razões para a dor nas costas: estresse constante (que fica acumulado na região), uma postura ruim durante toda a vida, excesso de esforço em um determinado dia e até mesmo uma noite ruim. Um bom osteopata usa suas técnicas para identificar onde está a origem da dor do paciente e promove o seu alívio através de uma boa massagem.

Alívio para dor no pescoço

Outra dor muito comum para o público da terceira idade, e não só, é a dor no pescoço, que muitas vezes é causada por um torcicolo ou algo do tipo. No entanto, até mesmo problemas mais sérios, como a cervicalgia, podem causar dores nessa região. Um bom osteopata consegue tratar do problema com destreza, uma vez que essa é a causa número 1 para os tratamentos de osteopatia atualmente.

Alívio para dor lombar

A dor lombar é uma das mais comuns no mundo. Para se ter ideia, a perspectiva é que 38% dos cidadãos portugueses sofram de dor na região. Ou seja: 4 em cada 10. É muita coisa! Existe muitas razões para a dor lombar, desde disfunções musculoesqueléticas, excesso de esforço e inflamação no nervo ciático. A osteopatia pode ser usada para tratar o problema. No entanto, o osteopata terá de fazer uma análise completa para identificar a verdadeira causa do problema e aplicar o tratamento correto. Por exemplo, se a dor lombar acontece por causa de uma má postura, o osteopata poderá aliviá-la, mas o paciente precisará resolver sua postura para que a dor não volte.

Alívio de doenças músculo-esqueléticas

Depois de uma certa idade, é comum que sejamos diagnosticados com alguma doença músculo-esquelética, como a artrose e a artrite. No entanto, isso não é uma exclusividade dos mais velhos. Outras doenças, como a fibromialgia, síndrome do túnel do carpo e conflito subacromial, também acometem os mais novos. A osteopatia é muito indicada nesses casos pois ajuda a aliviar a dor causada pelos problemas e diminui os seus sintomas. Com isso, os pacientes conseguem viver uma vida o mais próxima do normal possível, sem sofrer muito com as dores. Esses são os principais benefícios da osteopatia para o público da terceira idade. É essencial cuidar dos músculos em qualquer idade, mas depois dos 60 é imprescindível uma vez que o corpo fica naturalmente mais frágil. Por isso, a osteopatia é um poderoso aliado para deixar os músculos livres de estresse e danos, o que traz uma maior qualidade de vida para a pessoa. E aí, o que você achou? Ficou com vontade de consultar um bom osteopata? Então deixe um comentário abaixo com a sua opinião sobre o assunto!

Comentários

Deixe um Comentário

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

RECEBA EM SEU E-MAIL DICAS E INFORMAÇÕES DOS CUIDADORES

São diversos temas e dicas práticas de grande importância, sem custo algum.